sábado, setembro 03, 2005

Fazer uso da liberdade de expressão anónima

Quero aqui deixar um pequeno apontamento a um blog único da blogosfera, cuja existência é do meu conhecimento já há algum tempo. No entanto, nunca consegui ler nenhum post do respectivo até ao dia de hoje. É o que faz o isolamento. Reparei que este bloguista não permite comentários anónimos no seu blog (não sei porquê...). Sendo assim, recuso-me a deixar lá o meu testemunho, recuso-me a admitir no blog em causa que consegui ler dois posts, não porque gostasse, mas antes porque achei que deveria ler um texto até ao fim antes de continuar a partilhar a minha opinião. Não vou dizer qual é o blog. Não é esse o meu interesse. Isto apenas serve para expressar, contextualizadamente, aquilo que neste momento me prende alma. Aqui vai, directamente (ou não) ao bloguista em causa:

Tens uma maneira muito especial de escrever. Inesperadamente, a cada linha, consegues meter ainda mais nojo. Precisamente, ao longo da leitura, quando se pensa ser impossível fazer pior, tu e só tu, superas todas as expectativas. Parabéns, não há nada que se aproveite.

8 Comments:

At 2:15 da tarde, Blogger Diana said...

Será que eu sei de quem é esse blog?

 
At 8:23 da tarde, Blogger Adriana said...

sabes...

 
At 8:55 da tarde, Blogger Diana said...

Mas n tenho certezas e eu adoro certezas :)

 
At 9:02 da tarde, Blogger scoba e morgada, só faltou a timma said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 9:06 da tarde, Anonymous selene6 said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 9:17 da tarde, Blogger Adriana said...

tens tens. pensa bem onde se encontram os posts que eu nao consigo ler até ao fim...

PS: fui que apaguei os comments, diziam o mm q este

 
At 1:47 da manhã, Blogger Diana said...

Foste foste. Cheira-me a conspiração.

 
At 1:50 da manhã, Blogger Adriana said...

conspiração no meu blog n há! recuso-m a aceitar isso! sou uma tapada já sei...

 

Enviar um comentário

<< Home